Esportes COPA ALAGOAS

ASA vence o Coruripe por 1 a 0 e conquista o bicampeonato da Copa Alagoas

Gol de Marcelo no início do segundo tempo garante o troféu e a vaga na Série D de 2022

Por Redação

14/02/2021 às 20:41:56 - Atualizado há

A Copa Alagoas continua em Arapiraca! Na tarde deste domingo (14), após vencer o Coruripe por 1 a 0, com gol de Marcelo, o ASA de Lorival Santos conquistou o bicampeonato da competição e ainda conquistou uma vaga na Série D de 2022. Além disso, irá disputar contra o terceiro colocado do Alagoano uma seletiva para decidir quem fiará com a última vaga na Copa do Brasil da temporada que vem.

No próximo sábado, as duas equipes voltam a campo. Pela primeira rodada do Alagoano, o ASA irá receber o Jaciobá. Já o Coruripe jogará no Gerson Amaral contra o CRB. Os horários ainda serão definidos pela Federação Alagoana de Futebol (FAF).

PRIMEIRA ETAPA

A decisão começou bastante estudada pelas duas equipes. O ASA exercia uma pressão alta no campo de ataque e não deixava o Coruripe sair para o jogo. Mas o primeiro bom momento foi do Hulk. Aos 5 minutos, André Rodrigues recebeu ótimo lançamento dentro da área e tentou a finalização duas vezes, mas Dida fez boa defesa. Aos 10', foi a vez do Fantasma. Após boa trama pela esquerda, Ítalo deu belo cruzamento para Edson Kapa, que cabeceou para fora, com perigo.

No primeiro tempo, o Coruripe teve as melhores chances de gol, apesar do domínio do ASA — Ailton Cruz

Aos 12', Etinho quase marca o primeiro do Coruripe. O atacante recebeu ótimo passe na grande área, girou em cima da zaga e soltou a bomba para grande defesa de Dida. O ASA seguia com o domínio da posse de bola, mas não conseguia chegar com perigo ao gol de Alexandre. Enquanto isso, o Hulk explorava os contra-ataques com Etinho e André Rodrigues. Aos 33', Echeverria fez bom lançamento para Ciel na área, que não alcançou a redonda. Na sobra, Edson Kapa tentou a finalização, mas a defesa travou o jogador no momento certo.

Muito bem postado na defesa, o Coruripe conseguia repelir os ataques dos mandantes. Assim o jogo seguiu até o apito final da primeira etapa, aos 50'.

ETAPA COMPLEMENTAR

O segundo tempo começou com o que faltou no primeiro: gol! Com 2' de jogo, após bate e rebate na área em cobrança de escanteio, o goleiro Alexandre falhou e o zagueiro Marcelo abriu o placar para o ASA no Fumeirão. Após o gol, o Hulk recuou e o Fantasma povoou ainda mais o campo de ataque.

Após o gol de Marcelo, o goleiro do Hulk, Alexandre, se lamentou muito — Ailton Cruz

Aos 13', o primeiro bom momento do Coruripe na etapa final. João Grilo arriscou de muito longe, obrigando Dida a fazer boa defesa. No rebote, Etinho fica com a sobra, mas a defesa conseguiu afastar o perigo. Aos 20', Echeverria acerta bom cruzamento da direita para Gabriel no segundo pau. Na finalização do atacante, Alexandre fez uma defesa difissílima, salvando o Hulk de tomar o segundo gol.

Aos 32', a chance mais clara do empate do Coruripe. João Grilo arriscou da entrada da área e Dida fez mais uma grande defesa. No rebote, André Rodrigues chutou, quase de cima da linha de fundo e a defesa do ASA salvou em cima da linha. Tentando o empate a qualquer custo, o Hulk errava muito. Forçava passes longos e não conseguia manter a bola no campo de ataque. Aos 39', Gabriel recebeu na esquerda de ataque, limpou o marcador e soltou a bomba para fora, quase marcando o segundo do Fantasma.

Aos 47', Gabriel recebeu novamente pela esquerda, invadiu a área, cortou para o meio e chutou fraquinho para a defesa fácil de Alexandre. Com o Coruripe se lançando ao ataque para buscar o empate, o ASA tinha muito campo para os contra-ataques, mas não aproveitava as chances que criava. Assim, aos 50', com o placar inalterado, José Ricardo Laranjeira apitou pela última vez na final. ASA bicampeão da Copa Alagoas.

Elenco do ASA comemora muito o título no Fumeirão — Ailton Cruz

Ficha Técnica

ASA – Dida, Jonas, Martony, Ítalo (Aquiraz), Zé Wilson, Marcelo, Adailson (Johnnathan), Dinda, Edson Kapa, Echeverria (Marco Antônio), Ciel (Gabriel). Técnico: Lourival Santos

Coruripe – Alexandre, Lazaro (Cleyton Carioca), Jan Petter (Pedrinho), Marcelo, Chiquinho Bala (Everson), Jair Amaral, Victor Hugo (Hudson), João Grilo, André Rodrigues, Etinho, Luciano (Jonny). Técnico: Elenilson Santos.

Estádio Coaracy da Mata Fonseca

Árbitro - José Ricardo Laranjeira (CBF)

Assistentes - Brígida Cirilo Ferreira (FIFA) e Ruan Luiz de Barros (CBF)

Fonte: G1
Comunicar erro
Alagoas Em Dia

© 2021 Alagoas Em Dia

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Alagoas Em Dia